Uma aventura no zoológico de Gramado

onça-pintada do Gramado zoo pode ser vista de pertinho, através de um pano de vidro temperado
A onça-pintada pode ser vista de pertinho, através de um pano de vidro temperado

Post atualizado em junho/16

Localizado a 5 quilômetros do centro da cidade, o GramadoZoo abriga somente animais da fauna brasileira. A falta de girafas e elefantes não reduz a experiência, pelo contrário: quem precisa de leão e tigre quando se tem puma, onça e jacaré? Nós já fomos três vezes, e é sempre uma delícia para crianças e adultos.

Araras fazendo o lanche de sementes da tarde no Gramado zoo
Araras fazendo o lanche vespertino de sementes

Na última vez, visitamos o zoo junto com mais seis blogueiros que escrevem sobre viagem em família: As PasseadeirasCafé ViagemFelipe, o Pequeno ViajanteViagens que sonhamos,  Viagem Simplesmente e Malas e Panelas.

Instalado em um local de beleza natural privilegiada, o zoológico tem certificação do Ibama e acolhe animais recolhidos das mãos de traficantes ou encontrados em situações de sofrimento. Nenhum dos bichos foi capturado na natureza, e muitos, depois de tratados, já foram devolvidos ao seu habitat natural.

O zoo tem um atendimento excelente e uma estrutura muito bem-pensada. Já no começo, o visitante entra em um ambiente protegido por redes e circula literalmente no meio de diversos pássaros. É impossível não ficar boquiaberto com a exuberância das araras e dos tucanos, que estão ali, ao alcance da mão. Mas não adianta tentar tocar neles: funcionários educadíssimos lembram a todos a necessidade de respeitar os bichinhos. Placas informativas ajudam a todos a entender de onde os animais vieram, qual o seu habitat natural e como sobrevivem.

Se você puder, chegue pela manhã e peça para acompanhar o tour de um educador ambiental. Faz toda diferença.

Educador ambiental mostra coruja que teve sua asa amputada por um tiro e não pode mais voar
Educador ambiental mostra coruja que teve sua asa direita amputada por um tiro e não pode mais voar

Os ambientes onde os animais estão instalados não são sufocantes como na maioria dos zoológicos: redes e vidros brindados substituem as grades, e alguns recintos simulam habitats naturais, como o banhado do Taim e a praia “gelada” dos pinguins.

Na hora da nossa visita, o único pinguim residente naquele momento já estava recolhido, mas já fomos duas outras vezes e é divertido vê-los curtindo a areia.

Praia artificial dos pinguins

Também não é permitido alimentar os animais com comida levada na bolsa, mas o Zôo não esqueceu do prazer que as crianças têm nessa prática e disponibiliza diariamente um número determinado de porções de ração balanceada que podem ser “adquiridas” de maneira muito civilizada. A comidinha está dentro de pacotinhos, junto aos animais que podem ser alimentados, e o visitante pega o que quiser e só paga na saída. Não vi ninguém deixar de pagar. As porções custam R$ 4.

Ração fornecida e autorizada pelo zoo de Gramado para alimentar os animais.

Ração vendida no zoo para alimentar os animais. As crianças adoram!

O passeio no zoo é todo ao ar livre. Não vá em dias de chuva, portanto, nem de neblina fechada. Até porque a paisagem é lindíssima e também deve ser apreciada.

Um restaurante no meio do trajeto oferece opções limitadas de lanches, sorvetes e sucos. É o ponto mais fraco do local, mas não chega a ser um desastre.

No passeio zoo noturno, as crianças observam os animais de hábito noturno
No passeio zoo noturno, as crianças observam os animais de hábito noturno

Há passeios guiados à noite em que os visitantes podem observar os animais de hábitos noturnos, como o lobo-guará, mas é preciso fazer reserva. Não fizemos ainda, mas os amigos que já foram informam que é diversão garantida: as crianças fazem o circuito de dois quilômetros portando
lanternas, e a experiência é completamente diferente da diurna.

Como chegar: de carro, pela estrada que liga Gramado a Três Coroas (RS 115). Pergunte no hotel como obter transporte alternativo. Veja no mapa como chegar.
Ingressos: R$ 54 (16 a 59 anos), R$ 27 (a partir de 60), R$ 27 (3 a 15 anos). Crianças até 2 anos não pagam. Estacionamento: R$ 5
Ingressos em site de desconto: combo Zoo + Parque Gaúcho por R$ 39,90 (adulto)
Horário: das 9h às 17h
Sitehttp://www.gramadozoo.com.br/

—————————————–

O blog Vou Viajar não recebeu compensação financeira para publicar esse post, mas foi convidado pelo GramazoZoo a fazer o passeio. As opiniões compartilhadas neste e nos demais posts relacionados com essa estadia são completamente baseadas na nossa experiência.

Leia também:

Luciane Aquino

Militante da economia digital, jornalista, viajadora, curiosa, leitora, tricoteira.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

VouViajar

contato@vouviajar.blog.br
+5551996782790

RBBV
VouViajar
Receba nossas dicas de viagem por e-mail: