Kindle ou IPad? Qual a melhor escolha para viagem? Vou viajar: Kindle ou IPad? Qual a melhor escolha para viagem?

12 de dezembro de 2010

Kindle ou IPad? Qual a melhor escolha para viagem?

Você é daqueles que não bota o pé no avião sem um guia de viagem e pelo menos um livro e uma revista? E, depois, você compra mais um guia e uns livros no destino e não consegue carregar? Na hora de arrumar a mala para voltar, você acaba jogando metade fora por causa do excesso de peso?

Ler no Kindle é muito confortável

Seus problemas acabaram: compre um Kindle ou um iPad e dê adeus a esse dilema.

A diferença entre os dois é o preço e o uso que você dará ao equipamento. Se o propósito é somente a leitura de livros, o Kindle é ideal: a tela é a mais apropriada e confortável para leitura e o aparelho é barato, leve, fácil de usar e rápido. A desvantagem é a falta de iluminação da tela. É, como ocorre com os livros, você precisa de luz para poder ler.

Há versões com tela de 6 e de 9,7 polegadas. Além disso, alguns modelos têm wi-fi e todos têm 3G livre em todo o mundo. Isso significa que você pode comprar e baixar livros em qualquer lugar do mundo que tenha cobertura sem ter que fazer login na rede ou comprar vale-presente. Você faz isso automaticamente usando o cartão de crédito internacional que está arquivado na sua conta da Amazon, e nem se dá conta de que está usando 3G para fazer o download, que roda em segundos. Os defeitos do Kindle são a tela em preto e branco e a falta de conectividade com a internet. Ele até entra na rede, mas a experiência é tão ruim que você não tenta uma segunda vez.

iPad

O iPad, por sua vez, substitui com facilidade um notebook, principalmente em viagens. Ele navega na internet, baixa e envia e-mails, tem aplicativos excelentes para quem viaja (mapas, guias de restaurantes, previsão do tempo, lista de compras, etc) e, além de tudo, permite que você compre e baixe livros e revistas. A experiência de usuário é excelente, uma característica inconfundível dos produtos da Apple. Além disso, o iPad armazena música e filmes (você pode sincronizá-lo com os seus outros equipamentos Apple via iTunes), o que quebra um galho principalmente no avião. Há muito conteúdo e aplicativos que você pode baixar gratuitamente. Mas, para baixar qualquer coisa paga, você precisa comprar créditos, via cartão - se você usar a loja brasileira - ou via vale-presente, que alguém precisa adquirir para você nos Estados Unidos se você quiser algo que só está disponível na loja americana (veja neste post do Blog do IPhone como fazer isso).

A compra de ambos é fácil hoje no Brasil. O Kindle pode ser comprado na loja virtual Amazon (clique aqui para ver as opções disponíveis na Kindle Store).

O iPad pode ser adquirido em várias lojas no Brasil e nas lojas Apple espalhadas pelo mundo. O preço no Brasil é bastante salgado. A vantagem é poder parcelar no cartão.

Características adicionais de ambos os equipamentos:
- O Kindle é um pouco mais leve que o iPad. Do ponto de vista de dimensões, não há tanta diferença, a menos que você opte pelo Kindle pequeno
- A bateria do Kindle pode durar até três semanas se você não deixar o 3G sempre ligado. A bateria do iPad dura um ou dois dias (dependendo do uso). O carregador de ambos é levíssimo
- O iPad sincroniza com o seu computador, o Kindle, não
- Ao baixar um livro ou revista para o seu Kindle, você pode ler em qualquer outro equipamento que tenha o aplicativo da Kindle instalado. Isso vale para o computador, celular e até mesmo o iPad. Não é necessário fazer nenhuma sincronização.