Cadeados nas malas em viagens pelos Estados Unidos Vou viajar: Cadeados nas malas em viagens pelos Estados Unidos

2 de outubro de 2016

Cadeados nas malas em viagens pelos Estados Unidos

Vai para os Estados Unidos? Feche as malas com um cadeado aprovado pela TSA (Transport Security Administration, que é o órgão do governo americano responsável pela segurança em transportes) para evitar que ela seja quebrada. É isso mesmo: se os funcionários da TSA não conseguirem abrir a sua mala, eles podem arrombar, sem que você tenha qualquer direito a reembolso.

Isso sem falar que, com a bagagem mal-fechada, o que está dentro pode ser perdido ou roubado com facilidade. Amigos meus já receberam a mala no Brasil aberta ou rasgada, com as roupas saindo para fora. Conheço também um caso em que objetos perfurantes foram enfiados na bagagem (provavelmente em busca de algum material suspeito), e o resultado foram roupas cheias de buracos.

O cadeado aprovado pode ser aberto com uma chave-mestra pela TSA. Ao comprar, certifique-se de que eles estão identificados por um desses dois símbolos:

O cadeado custa de 5 a 10 dólares, dependendo de onde você comprar. Algumas malas adquiridas nos EUA já vêm equipadas com ele (como as Samsonite). Eles funcionam com segredo. Só não esqueça de anotar o número em algum lugar, para o caso de esquecimento.

A revista pode ser feita em sua mala em qualquer trecho da viagem, e não só na entrada nos EUA. Comigo já ocorreu entre Dallas e San Francisco. Normalmente, depois da inspeção, eles deixam um folheto dentro da mala, avisando sobre o ocorrido:
Nota da TSA (fonte: wikipedia)

Veja algumas opções de cadeados para comprar na Amazon:




Leia o post que ensina a comprar na Amazon e mandar entregar a encomenda no hotel nos EUA.
Leia a experiência de outros viajantes com o cadeado da TSA (ou com a falta dele):
- Blog Viaje na Viagem, de Ricardo Freire
- Blog Se Você for Viajar
Leia (em inglês) as instruções da TSA sobre cadeados

Leia também:
Saiba como é o Sawgrass Mills, o maior outlet dos EUA