Como é o hotel Courtyard by Marriot Miraflores, em Lima, no Peru Vou viajar: Como é o hotel Courtyard by Marriot Miraflores, em Lima, no Peru

7 de agosto de 2016

Como é o hotel Courtyard by Marriot Miraflores, em Lima, no Peru

hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O Courtyard by Marriot Miraflores fica no coração de um dos melhores bairro de Lima, no Peru (foto: divulgação)

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
As camas queen do Courtyard by Marriot Miraflores são confortáveis e acomodam bem um casal+criança
A nossa viagem ao Peru começou por Lima, e selecionamos o hotel Courtyard by Marriot Miraflores para a nossa estadia. A escolha se deu por três razões: o hotel tem uma excelente localização, muito boa avaliação no TripAdvisor e aceitava acomodar o casal e nossos dois filhos (de 12 e 10 ano) no mesmo quarto. Quem tem duas crianças ainda sem autonomia para ficar em um quarto próprio sabe o quanto é difícil conseguir isso (leia nosso post Como escolher um hotel para um casal e duas crianças). Os preços variam entre US$ 220 e US$ 250.

Não nos decepcionamos: a localização é realmente impecável. O Courtyard fica em um ponto excelente de Miraflores, o bairro mais charmoso de Lima. Dali, é possível ir a pé ao shopping Larco e curtir todas as facilidades da região. Há um mercadinho e uma farmácia em frente, um supermercado a duas quadras de distância, vários locais para fazer câmbio e também para comprar chip e recarga de celular. Além disso, há muitas opções de restaurantes de todos os preços.

O quarto também é ótimo: silencioso, espaçoso, com colchões tamanho queen excelentes, banho bom e bastante espaço para as malas.

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O quarto tem bastante espaço para as malas, tanto aos pés da cama quanto ao lado delas

Recanto de estar no quarto do Courtyard by Marriot Miraflores
O armário não é grande, mas foi suficiente para a estadia, que foi de apenas duas noites. Não há cômodas com gavetas no quarto.

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
Armário tem tábua e ferro de passar roupa
Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
Detalhe do ferro de passar do quarto do Courtyard by Marriot Miraflores
Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O balde de gelo e os copos ficam dentro do armário de roupas (!)
O quarto tem todas as facilidades dos hotéis de grandes redes americanas: frigobar, cafeteira com sachês de café e chá à disposição e cofre suficientemente grande para acomodar notebooks:

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O quarto tem uma cafeteira elétrica com sachês de café e chá escondida atrás da coluna do frigobar
Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O cofre tem tamanho para acomodar um notebook (o que não ocorre em tantos hotéis)

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O frigobar não tem nada dentro, mas é possível comprar o que for necessário no mercadinho em frente ao hotel
O wifi tem boa cobertura e velocidade e é gratuito. O quarto também tem várias tomadas (coisa quase tão imprescindível quanto o wifi nos dias de hoje). O único problema é o formato. Não esqueça dos seus adaptadores!

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
A cabeceira tem luzes individuais e tomadas
O controle de temperatura do ar-condicionado é individual
O banheiro (e o banho) também são bons, e comportam razoavelmente uma família de quatro, já que não é fácil estender quatro toalhas, organizar quatro banhos, etc. Confira os detalhes:

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru

O secador de cabelos é o típico de hotel. Ou seja, serve para secar os cabelos, não para modelar
Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
A ducha é boa, com água suficiente e de boa temperatura

Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
O hotel oferece uma garrafinha d'água de cortesia
Quarto do hotel Courtyard by Marriot Miraflores Lima, Peru
As amenities são da marca Paul Mitchell (sabonete, shampoo, condicionador e hidratante)
O banheiro tem mais duas tomadas (preste atenção na voltagem!)
No primeiro dia, cansados, decidimos jantar no hotel. Normalmente, eu evito essa opção porque acho restaurante de hotel uma coisa meio triste. Como fica no andar térreo, com vista para a rua, e um razoável movimento, o restaurante do Courtyard tem um ambiente suportável. O serviço é excelente, e o menu tem várias opções para adultos e crianças. Optamos por uma salada Ceasar, uma pizza marguerita e um hamburguer:

Restaurante do hotel Courtyard by Marriot, em LIma, Peru
Restaurante do hotel Courtyard by Marriot Miraflores
Restaurante do hotel Courtyard by Marriot, em LIma, Peru


Restaurante do hotel Courtyard by Marriot, em LIma, Peru


Restaurante do hotel Courtyard by Marriot, em LIma, Peru

Nós optamos por não incluir o café da manhã na diária, e no primeiro dia fomos comer na região do Parque Kennedy. No segundo dia, como voaríamos no final da manhã, experimentamos o café do hotel e não nos decepcionamos. O buffet custa 49 sóis por pessoa. A refeição é bem servida e, apesar de ter excelente variedade dos ingredientes mais internacionais, oferece também vários ingredientes locais.

As frutas incluem as internacionais mamão, melão e abacaxi mas também algumas típicas peruanas
Eu provei melão e mamão, mas também dei uma chance para a chirimoya e para a pitahaya. A primeira se cultiva desde o século nas regiões altas do Peru e tem altos níveis de proteína e açúcar. A segunda é um fruto de cactus, e pode ser amarela ou vermelha (comi a vermelha), e é originariamente mexicana.

Meu prato com mamão, melão (que no Peru têm quase a mesma cor), chirimoya (branca) e pitahaya (vermelha)
A riqueza dos cereais peruanos não é esquecida. O canto "saudável" do café oferece oito variedades de cereais, incliendo a quinoa. Há também geléias de sauco (que é no nosso sabugueiro) e de aguaymanto (que nada mais é do que a chique physalis, que originária do Peru):


Há também produtos sem glúten e suco verde.

A área de pratos quentes tem os indefectíveis ovo mexido e linguicinha mas também os mais encorpados pratos locais que mais parecem para almoço.



No nosso dia, havia, entre outras coisas, frango ao molho de mostarda e tacu tacu, uma receita peruana que mistura arroz, feijões e carnes:



A variedade segue com ingredientes mais conhecidos:








Quanto voltarmos a Lima, é bastante provável que voltemos ao Courtyard. A menos que o orçamento nos permita ficar no irmão rico, que o JW Marriot Miraflores, debruçado sobre o mar e ao lado do shopping Larcomar. Qual você vai escolher?

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

O blog Vou Viajar pagou todas as suas despesas e não recebeu nenhum tipo de incentivo para a sua estadia no hotel Courtyard by Marriot Miraflores. Como sempre, essas são as nossas opiniões autênticas sobre o estabelecimento.
O blog recebe uma pequena comissão quando você faz uma reserva através da nossa página, mas isso não tem nenhum custo adicional para você nem altera a nossa opinião sobre o hotel.

Leia também:
Qual a melhor época do ano para visitar o Peru

Reserve um hotel em Machu Picchu Pueblo (Aguas Calientes)