Epopeia Italiana: um mergulho no passado da imigração

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

O passeio ideal para começar um roteiro pela Região da Uva e do Vinho na Serra Gaúcha é a Epopeia Italiana. O parque temático, que fica junto à estação da Maria Fumaça de Bento Gonçalves, conta a história dos imigrantes que deixaram a Itália para começar uma vida nova no Sul do Brasil. Essa verdadeira “epopeia” marca profundamente toda a cultura da região, e está presente em tudo o que se come, bebe, ouve e vive por ali.

Você pode comprar o ingresso para a Epopeia em separado, ou junto com o da Maria Fumaça. Em qualquer um dos casos, reserve com antecedência e já faça ambos no primeiro dia. Você pode comprar online clicando aqui.

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

A visita não dura mais do que uma hora, mas é intensa. Já na entrada, enquanto se espera a sessão, alguns painéis contam como os imigrantes se vestiam e quais eram os seus hábitos alimentares, e também como as dificuldades foram moldando os seus costumes originais. À medida que as roupas trazidas para a América foram se deteriorando, novos tecidos e moldes mais adaptados ao calor foram sendo produzidos, e ingredientes nativos como o pinhão – um presente natural da araucária – ajudaram os viajantes a enfrentar a fome enquanto abriam o mato e tentavam plantar nos lotes selvagens recebidos.

Quando o espetáculo começa, um ator que levará o grupo até o final representa um dos dois integrantes de um casal que existiu de verdade: Lázaro e Rosa Giordani, os patriarcas da família Giordani, proprietária da Epopeia e também da operação da Maria Fumaça. Dependendo da hora, você será guiado pelo Lázaro ou pela Rosa.

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Nas duas vezes em que visitamos a Epopeia, foi o Lázaro quem nos recebeu, e ele conta, com a ajuda de um novíssimo sistema de vídeo, som, luzes e efeitos especiais como foi toda a jornada do casal até chegar ao Brasil. A história começa na sua cidade natal, XXXX, quando Lázaro lê um panfleto distribuído na igreja e convence alguns amigos e a namorada, Rosa, a viajar para a América. O panfleto, que é real, prometia terras, apoio gratuito do governo e a “cocagna”, ou seja, fortuna. O Brasil, diziam, era uma terra de montanhas de ouro.

Rosa então foge para casar com Lazaro e os dois enfrentam uma viagem de 36 dias até desembarcar em terras tupiniquins. A jornada marítima é um dos trechos mais impactantes do parque: os visitantes entram em uma sala no formato do porão do navio, e telões dispostos ao redor mostram imagens do mar e o ambiente claustrofóbico que todos enfrentavam amontoados, com medo de doenças e com pouca alimentação e água. Não é raro que, entre os visitantes, haja imigrantes com histórias parecidas e que se emocionem bastante durante a apresentação.

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Ao chegar às terras gaúchas, nada se parecia com o prometido: para chegar à região de Bento Gonçalves, os imigrantes tiveram de abrir picadas serra acima e o que lhes esperava no fim da viagem estava longe do sonhado. Eles tiveram que esperar a distribuição dos lotes abrigados em barracões, e a ajuda gratuita para começar a plantar não aconteceu. Todos tiveram que pagar pelas sementes recebidas.

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temático

Epopeia Italiana, história da imigração italiana na Serra Gaúcha - parque temáticoNo fim da jornada, os visitantes podem ver alguns dos pertences trazidos por Lazaro e Rosa, como um pequeno e pesado baú de madeira onde transportaram o pouco que tinham, e fotos da família. Uma bela lição de vida e de história para todos que visitam Bento Gonçalves, e especialmente para as crianças.

Você pode fazer os passeios da Epopeia Italiana e da Maria Fumaça por conta própria ou por uma agência, com outras atrações incluídas no roteiro. Se for por uma agência, você pode encontrar várias opções de passeios neste link. Se preferir fazer por conta própria, não deixe de comprar o ingresso com antecedência nesse link (sem qualquer custo adicional), porque raramente é possível adquiri-los durante a viagem. Os horários estão sempre lotados, especialmente em alta temporada. Você também pode visitar somente a Epopeia, comprando o ingresso neste link.

Você pode visitar a Epopeia Italiana no começo ou no fim da viagem da Maria Fumaça. Se o seu trem parte de Bento, faça antes. Se parte de Garibaldi, faça depois. Mas não deixe de conferir.

Não deixe de ler nosso post sobre programas imperdíveis em Bento Gonçalves durante a vindima. Talvez você também curta nossa dica para jantar em Bento: o restaurante Caldeira.

Organize a sua viagem para Bento Gonçalves:

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

RBBV
VouViajar
Receba nossas dicas de viagem por e-mail: